Savannah (Geórgia - EUA)

Por Flávia Mayrink

Tchau Flórida, olá Geórgia

Nosso segundo estado visitado foi a Geórgia, e a cidade escolhida, Savannah. E não podíamos ter feito uma escolha melhor.

Fundada em 1733 nas margens do rio Savannah, é a cidade mais antiga da Geórgia, e foi cenário das importantes guerras americanas. É um dos destinos favoritos dos norte-americanos, principalmente seu Distrito Histórico, que é formado por 22 quarteirões.

Chegamos em Savannah por volta das 16h do dia 09 de fevereiro de 2020, e fomos direto para o Catherine Ward House Inn, o bed & breakfast onde ficamos hospedadas. Já ao entrar na cidade, deu para perceber o quanto ela é fofa, e também histórica. Apaixonante!

Trocamos de roupa, porque estava bem frio, e saímos para andar um pouco pela cidade e também jantar.

Logo ao sair do hotel, tem a praça Forsyth, que é muito bonita, mas o que eu mais queria ver não era a praça e sim o chafariz imenso, que fica quase no final dela. Ele é lindo! Pelas fotos que vi enquanto pesquisava pela cidade, já deu para perceber o quanto bonito é, mas pessoalmente é deslumbrante. Todas as vezes que passávamos por ali, eu sempre ficava olhando e admirando. Não me lembro de ter visto nenhum chafariz mais bonito do que ele.

Andar em Savannah é muito fácil, porque o centro histórico é formado por quarteirões quadrados, então não tem como se perder, e há muito movimento pelas ruas, mesmo à noite. Vários turistas circulando, então não há perigo. E, se você se cansar, um ônibus gratuito fica indo e vindo apenas por esta região.

 

Seguimos rumo à parte norte do centro histórico, andamos um pouco pelo City Market, que é uma espécie de shopping a céu aberto, formado por 2 quarteirões, onde só pedestres podem caminhar.

 

Há várias lojas e restaurantes por lá, e estava tendo um show de rock. Compramos s'mores na Candy Kitchen e voltamos alguns quarteirões, para a Panera, uma rede bem conhecida nos Estados Unidos, que foi nosso destino para o jantar nesta noite. Quando passamos por lá rumo ao City Market, vimos um casal tomando uma sopa que parecia estar uma delícia. Nós amamos sopa (sério mesmo!) e, como estava frio, não tivemos muita dúvida de que era ali que queríamos jantar. Escolhemos uma de abóbora e outra de cebola, e ambas estavam maravilhosas!

Depois da sopa, já estávamos aquecidas, então partimos para a sobremesa, que foi um sorvete na Leopold's, de honey almonds with cream (amêndoas com mel e creme). Maravilhoso!!!!! Se você um dia for a Savannah, não deixe de experimentar o sorvete deles.

No dia seguinte, após o maravilhoso café da manhã no Catherine Ward House Inn, partimos novamente para explorar o centro histórico.

Desta vez, subimos pela rua que fica atrás do hotel, a Abercorn, onde tem a Catedral de São João Batista, que é linda, tanto por fora quanto por dentro, e fomos até o River Street - o calçadão que tem ao longo do Rio Savannah. O lugar é muito bonito, com várias lojas, restaurantes e lugares para sentar e apreciar a vista. Lá você pode pegar o barco a vapor Geórgia e fazer um tour pelo rio. Este tipo de passeio é bem comum nas cidades sulistas dos Estados Unidos, mas ainda não nos animamos muito a fazê-lo. Quem sabe até chegar em Nova Orleans a gente anima?

No River Street também há um monumento à Segunda Guerra Mundial, algo comum a várias cidades dos EUA.

Almoçamos no Green Fire, uma lanchonete bem descolada: o local parece ter sido um posto de gasolina. As pizzas são assadas em forno a lenha, a massa é fininha e vendem fatias. Como amamos pepperoni e o dos EUA é ainda melhor do que do Brasil, não foi uma escolha difícil. Estava uma delícia!

Andamos mais um pouco pelo centro histórico, indo até as ruas que não havíamos visitado e queríamos ver. Aproveitamos também para comprar pipoca na Savannah Raes. Somos viciadas em pipoca, acho que você já sabe. Se não sabia, sabe agora. Eles têm vários sabores (falam que é mais de 250), você pode experimentar, o que ajuda muito, já que é tanto sabor que fica difícil escolher um. Compramos de sea salted caramel e cheddar. Depois, voltamos para o Catherine Ward House Inn para descansar um pouco.

 

Saímos à noite para jantar no Savannah Seafood Shack. O lugar é simples, mas a comida é maravilhosa! Pedimos um crab cake e fish and chips (bolo de caranguejo e peixe com fritas), e descobrimos porque eles foram escolhidos como o melhor low country boil da cidade - ok, não foi o que comemos, mas a comida estava uma delícia! O restaurante já apareceu em programas dos canais Food Netwoork, Cooking Channel e Travel Channel. Resumindo: vale a pena, e muito!

Para encerrar muito bem a noite e nossa estadia em Savannah, nos despedimos desta cidade linda e fofa tomando outro sorvete de honey almonds with cream no Leopold's.

Rotas com Sabor

©2019 by Flávia e Graciela Mayrink. Proudly created with Wix.com

  • Instagram Graciela
  • Instagram Flávia

Nossas Rotas

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now